Descubra o que você quer e como fazer acontecer

31 de agosto de 2017 | por André Sequeira

Para a maioria dos seres humanos, modificar qualquer situação é uma das tarefas mais difíceis da vida. Poucos são aqueles que estão dispostos a assumir riscos, até porque, menos ainda são os que têm certeza do que realmente querem.

Muitas vezes estamos perdidos quanto ao queremos para o futuro. Parecemos um barco sem leme, rumando para um destino que talvez não seja aquele que imaginamos. Isso vale tanto para a vida profissional e educacional quanto para a familiar.

Mudar é realmente difícil, exige planejamento árduo e determinação constante. Algumas pessoas ficam anos em um emprego que não as satisfaz ou casadas com uma pessoa que não as completa. E quando cursamos uma faculdade que está longe de ser aquela que queríamos em primeiro lugar? Para quem está de fora, pode parecer apenas falta de vontade e comodismo e que, para mudar esta realidade, bastaria querer. Longe disso.

Se você se percebeu em situação parecida, fique tranquilo. Allan e Barbara Pease produziram o guia que esclarecerá os caminhos que podem se abrir para você e, também, como fazer para chegar lá. Em Se a vida é um jogo, aqui estão as regras, o casal mostra quais são as perguntas que devem ser feitas; como ganhar confiança para mudar de emprego, de relacionamento ou de estilo de vida; e como decidir o que você quer e como estabelecer o caminho correto de sua existência.

Segundo os autores, tudo começa deixando de lado a postura negativa, comum em quase todos nós. O problema não é o que queremos, mas sim, o que almejamos. Se você quer empreender, não pense “eu odeio meu trabalho”, mas sim, “preciso abrir meu negócio”. Se você deseja correr uma maratona, não pode pensar “nossa, como é longo percorrer 42 quilômetros”, mas sim, “vou treinar bastante e atravessar esse percurso com o menor sofrimento possível”. Se você quer cursar teatro na universidade, não se fixe no pensamento “no Brasil é tão difícil esta carreira”, mas sim, “qual o melhor curso de teatro para que eu seja um profissional de sucesso”.

Definido o que você quer, o “como” surgirá naturalmente. Faça, então, um plano de ações e estabeleça prazos. Parecem dicas óbvias, mas, após anos no ramo, os Pease perceberam que quase todo mundo percorre o caminho inverso, estabelecendo, por incrível que pareça, o “como” antes de tudo.

Ao longo deste processo, vamos dizer, de redescobrimento, não desista, jamais se abata com possíveis – e prováveis – fracassos. Os vencedores não são os que nunca falham, mas os que nunca desistem. Não acredita? Segundo pesquisas realizadas por Allan e Barbara, 97% dos indivíduos que cedem cedo são empregados pelos 3% que não desistem.

Para chegar no ponto em que cada indivíduo decide se mexer, é fundamental compreender por que chegamos onde chegamos, por que tomamos determinado caminho e por que queremos mudá-lo. Como bem dito pelos autores, “você perceberá por que está onde está e por que tem o que tem neste momento da vida, e encontrará as respostas que o ajudarão a ir onde desejar. Mostraremos a você como descobrir o que realmente quer e como atingir esse objetivo.”

TAGS: