Por uma maternidade mais leve: esse é o guia perfeito para as mães de primeira viagem

9 de maio de 2017 | por Caio Soares

É evidente que a maternidade marca um antes e um depois na vida de uma mulher: mudam os horários, a relação com seu par, seu armário, cozinha, sono, hábitos… ser mãe é uma montanha-russa de emoções, ainda mais para quem irá embarcar nesta aventura pela primeira vez. Pensando nos anseios das mulheres estreantes, duas autoras (e mães) espanholas perceberam que é preciso acabar com essa pressão. As autoras, que escrevem sob o pseudônimo Bon&Bom, prepararam Pequenas Ideias Para Futuras Mamães, um guia divertido e leve que tem como principais objetivos ajudar, tranquilizar e relembrar às mulheres o grande privilégio que é a dádiva da maternidade.

Para isso, antes de embarcar na incrível aventura do primeiro filho (ou filha), o melhor é aprender a rir de si mesma, de suas inseguranças, de seus medos e dos problemas que aparecerem pela frente. “Ser mãe é uma aventura que não mudaríamos por nada neste mundo, mas desde o momento em que descobre que está grávida, a sua vida se transforma em uma reviravolta tamanha que é preciso muita calma”, comentou Bom em entrevista à rádio espanhola Cope.

O guia, que conta com ilustrações simples de Esther Maré, apresenta com leveza algumas mudanças de hábito que atingem 9 entre 10 mães. Situações como mudanças de guarda-roupa (de sapatos de salto para sapatilhas), alterações nos contatos favoritos do celular (primeiro o ginecologista, depois o pediatra), ou a ausência de programas após o nascimento do primeiro filho (durante alguns anos você ficará por fora das novidades culturais) são tratadas de forma bem-humorada. “Às vezes, como tudo na vida, parece que você não irá conseguir suportar apesar de saber que a maternidade é uma das melhores coisas que vai acontecer em sua vida. É preciso tratar esse novo momento com humor”, continuou a autora.

Apesar de não revelarem suas verdadeiras identidades, as autoras são mulheres bem-sucedidas que reúnem todas as características de uma mãe do século XXI: buscam o desafiador equilíbrio da rotina de casa e do trabalho e ainda arrumam um merecido tempo para o bem-estar pessoal. As autoras sabem que muitas mulheres ainda sofrem com a pressão da sociedade na busca pela figura da “supermulher”.

“A principal dica do guia está na ideia de que as mulheres precisam assumir que não são –e nem devem ser –perfeitas. A maternidade eleva essa busca louca pela perfeição ao grau máximo de dificuldade. Ser mãe significa ser um milhão de coisas, e todas temos ideias distintas do que é, mas existe sempre aquele parente ou amiga que irá lembrar que além de sermos esposas dedicadas, profissionais de sucesso, ótimas amantes e um corpo perfeito, precisamos ser mães exemplares. A verdade é que nada disso importa. A única coisa que funciona é ser você mesma”, completou Bom.

Conheça o livro “Pequenas ideias para futuras mamães”

TAGS: