3 livros e o sentido da vida

7 de maio de 2017 | por Mariana de Souza Lima

“Tudo acontece quando tem de acontecer. Uma vida não pode ser apressada, não pode ser inserida numa programação como tanta gente pretende. Temos que aceitar aquilo que nos é dado em qualquer momento, sem pedir mais.”

Brian Weiss

Quando lançamos “Muitas vidas, uma só alma“, de Brian Weiss, em que ele relata experiências de pessoas que conseguiam visitar o futuro, diferentemente de todo o seu trabalho sobre vidas passadas, confesso que me vi desconfiada. Mas, à medida que o relato avança, Weiss que é um craque, explica com muita propriedade que passado, presente e futuro é uma simplificação da nossa mente e que na verdade eles coexistem, tudo junto e misturado, um conceito que hoje a gente entende muito bem! A tese não é dele, mas faz sentido estar ali explicada quando pessoas que ora veem seu passado, ora veem seu futuro, conseguem resolver um mal, conflitos ou mesmo decidir por um caminho.

Anos depois, lançamos “Uma prova do céu“, o relato de  um neurocirurgião que ficou em coma durante uma semana, vítima de uma meningite bacteriana grave. Em momento algum, os médicos tiveram dúvidas de que caso Eben se recuperasse do coma, com certeza as sequelas seriam gravíssimas. E o que se viu foi o retorno de um homem que não só falava, como andava, e que estava pronto para contar tudo o que viu e a certeza de que a vida que conhecemos continua.

E agora acabo de ler “O último sopro de vida“, de Paul Kalanithi, também neurocirurgião, que descobre que a forte dor nas costas que vinha sentindo era um câncer de pulmão agressivo e fatal. Ao contrário dos dois relatos anteriores, a grande lição não foi espiritual, mas de como encher a vida com propósito. Paul, que tinha planejado sua vida pelos próximos 20 anos, viu tudo ruir e adaptou-se ao novo cenário tenebroso organizando sua partida. Vai soar como clichê, ao contrário do livro que não tem esse tom, mas coisas ruins acontecem ainda que a vida seja um presente… Então, o melhor é aproveitar cada pedacinho dela!

TAGS: